6 dez
2014
Faça você: hambúrguer artesanal {yumiii}
   Por: Ste Costa

Quem me acompanha sabe que há pouco mais de um ano venho seguindo uma rotina mais saudável com alimentação balanceada e prática de exercícios regularmente. Mas claaaaaaaro óbiviamenteeee que vira e mexe eu como (ou bebo! ihihi) alguma coisa que não se enquadra exatamente na lista dos itens mais saudáveis da alimentação! É o caso dessa delícia da foto abaixo: um hambúrguer artesanal feito por mim!

 

 

Eu e meu namorado gostamos de nos aventurar pela cozinha de vez em quando e dia desses deu a louca e resolvemos fazer um sanduíche com hamburguer artesanal! E, olha, vou confessar para vocês que esse aí dá de mil a zero em muitos… principalmente nos de fast-food que são super sem graça. Garanto a vocês que quem experimenta um burguer artesanal não o troca por nenhum outro. E o melhor: é super fácil!

 

 

Iniciei preparando o shimeji refogado. Shimeji é um tipo de cogumelo que fica delicioso com tudo nessa vida, incrível! Basta lavá-lo bastante (gosto de por um pouco de limão), separar os talos menores do grandão e refogar na manteiga com cebola picadinha. Vai acrescentando o shoyu aos poucos para dar uma cor, só não exagere por causa do sal! Finaliza acrescentando uma colher de cream cheese ou creme de ricota e reserve.

 

Para fazer o hambúrguer propriamente dito você vai precisar apenas de carne moída e um pouquinho de água e azeite (se quiser!). Nós usamos fraldinha e pedimos para moer um pouco da gordura junto, é importante para dar suculência. Maminha e patinho também são boas opções. Depois que misturar tudo ~ com as mãos mesmo ~ separe a carne em três bolas grandes e vá amassando para moldar os burguers. O sal deve entrar só na hora assar os hambúrguers para que não percam água. Depois de moldados leve um a um na chapa (ou frigideira antiaderente) beeeeem quente, espere aproximadamente 2 a 3 minutos para dourar e só então vire. Nada de ficar virando toda hora ou amassando com a espátula… isso pode deixá-lo ressecado. Ah, uma boa dica é cobrir com a tampa para cozinhar por dentro!

 

Aí meus amores, é só montar e correr pro abraço!!! Escolha um pão bem macio, um bom queijo (usamos o prato… nada de usar aqueles queijos processados tipo cheddar, pelo amor de Deus!), alface e pronto! Dá pra soltar a imaginação e acrescentar ou substituir os ingredientes a vontade. Na próxima vez queremos testar o preparo de uma maionese com sabor, só não sei quando será porque não dá pra comer sanduíche com frequência né?! kkkkk Mas se der certo compartilho por aqui!

Gostaram da receita mais “gordinha”? Querem que eu publique mais vezes as minhas aventuras na cozinha? Bjo, bjo!

 

 

Gostou? Deixe um recadinho!

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>